Justiça russa multa Google por descumprir lei de dados pessoais

Justiça russa multa Google por descumprir lei de dados pessoais

De acordo com o porta-voz do tribunal, pena foi de três milhões de rublos ao gigante da tecnologia

AFP

Justiça russa multa Google por descumprir lei de dados pessoais

publicidade

A justiça russa impôs ao Google uma multa de US $ 40 mil nesta quinta-feira (29) por não armazenar na Rússia os dados de seus usuários locais, na primeira condenação do gigante americano no país por esse crime.

O tribunal de Moscou em Taganski condenou o Google por violar a lei de dados pessoais e impôs uma pena de três milhões de rublos ao grupo, informou um porta-voz do tribunal à agência pública Ria Novosti. A multa máxima por esse delito é de seis milhões de rublos.

"Sistema de rede soberana"

As autoridades russas vêm tentando há vários meses fortalecer seu controle da Internet, desenvolvendo um polêmico sistema de rede "soberana" isolada dos grandes servidores mundiais.

Desde 2014, a lei também exige que as empresas de tecnologia armazenem os dados de seus usuários russos na Rússia. Por causa disso, em 2020, as redes sociais Twitter e Facebook foram condenadas pelos mesmos motivos.

Por sua vez, a rede profissional LinkedIn foi bloqueada devido à sua recusa em respeitar esta lei.

Veja Também

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895