Dustin Hoffman e Toni Servillo protagonizam suspense italiano

Dustin Hoffman e Toni Servillo protagonizam suspense italiano

“O Labirinto”, dirigido por Donato Carrisi, estreia dia 12 agosto nos cinemas

Arte & Agenda

No elenco, o norte-americano Dustin Hoffman e o italiano Toni Servillo

publicidade

O aclamado escritor italiano Donato Carrisi partiu de sua obra “L’uomo del labirinto” para criar o filme “ “O Labirinto”.  No elenco os atores consagrados Dustin Hoffman, ganhador de dois Oscars, e  Toni Servillo, melhor ator europeu por “A Grande Beleza” (2013). O longa será lançado nos cinemas brasileiros, no dia 12 de agosto, pela Pandora Filmes.

Em sua segunda incursão na direção, após “A Garota da Névoa”, Carrisi confessa que seu objetivo sempre foi escrever livros que se parecem com filmes e filmes que se parecem com livros. “Com meus romances, tento evocar imagens na mente dos leitores, por isso, meus filmes vão além daquilo que é possível ver na tela. Acredito no poder evocativo de uma história. Faço o invisível tão importante quanto o visível.”

Bruno Genko (Servillo) é um detetive particular com seus dias contados. O médico lhe deu dois meses de vida, porém, quando o filme começa, esse tempo já passou... e ele não morreu. Ele se encontra numa situação paradoxal: nessa sobrevida que ganhou, resolve investigar um caso pendente de seu passado: o desaparecimento da jovem Samantha Andretti (Bellè).

Ela foi sequestrada quando ia à escola e, 15 anos depois, acorda numa cama de hospital sem se lembrar de nada. Ao seu lado, está Green (Hoffman), um analista que promete resgatar o passado da jovem e capturar o monstro sequestrador.

Os dois homens estão atrás da mesma pessoa, usando métodos distintos. Quem chegará primeiro ao sequestrador? E, mais do que isso, há apenas uma verdade? A cada nova descoberta: um novo mistério. “O jogo está na mente do espectador”, conta o cineasta.


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895