"Caminhos da Memória" (Reminiscence)

"Caminhos da Memória" (Reminiscence)

Filme com pegada noir requenta cinema de suspense, ficção científica e ação

Chico Izidro

O casal Hugh Jackman e Rebecca Ferguson tem uma baita química

publicidade

A diretora, roteirista e produtora Lisa Joy seguiu a cartilha de Quentin Tarantino em "Caminhos da Memória" (Reminiscence), apresentando um filme com pegada noir, com várias referências ao cinema de suspense, ficção científica e ação. Na trama, passada em um futuro onde Miami sofreu severas consequências com o aquecimento global e tornou-se praticamente submersa, quase uma Veneza, o investigador particular Nick Bannister (Hugh Jackman) mantém uma clínica ao lado da amiga Watts (Thandiwe Newton), onde atendem uma clientela que deseja reviver momentos marcantes de seu passado, através de uma máquina de leitura da mente. 

A vida de Nick começa a mudar, quando ele decide atender uma cliente, a cantora Mae (Rebecca Ferguson), que perdeu as chaves da casa, e deseja recuperá-las. Porém, o simples sumiço das chaves transforma-se em uma enorme paixão dele pela garota, que de repente desaparece. Então o investigador, obcecado por reencontrar a amada, se embrenha em uma missão envolvendo tráfico de drogas, a herança de um milionário corrupto e uma conspiração política na alagada Miami. 

A trama tem saltos temporais, indo e voltando no tempo. E dê-lhe referências, desde os filmes policiais Noir dos anos 1940 e 1950, como por exemplo "Relíquia Macabra", "Blade Runner", "A Origem", "Em Um Lugar do Passado", "Contra o Tempo", "Minority Report", entre outros. 

A história é interessante, prega o espectador na poltrona, porém se arrasta demais em sua parte final, que aliás, se mostra desnecessária, e com um baita furo de roteiro. Mas tirando isso, dá para curtir, e o casal Hugh Jackman e Rebecca Ferguson (da franquia “Missão: Impossível” e "Dr. Sono") tem uma baita química.

Trailer no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=5pDKVBS27JE

 

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895