Ataque contra shopping na Ucrânia é "crime de guerra", dizem dirigentes do G7

Ataque contra shopping na Ucrânia é "crime de guerra", dizem dirigentes do G7

Mísseis russos deixaram ao menos 13 mortos e mais de 40 feridos

AFP

Mísseis russos deixaram ao menos 13 mortos e mais de 40 feridos

publicidade

Os dirigentes do G7 qualificaram nesta segunda-feira (27) de "crime de guerra" e ataque "abominável" o impacto de mísseis russos contra um shopping center em Kremenchuk, centro da Ucrânia, que deixou pelo menos 13 mortos e mais de 40 feridos.

"Os ataques indiscriminados contra civis inocentes constituem um crime de guerra", declararam os dirigentes, reunidos em uma cúpula no sul da Alemanha, em uma declaração que "condena de forma solene o ataque abominável" e assegura que o presidente russo, Vladimir Putin, terá que "prestar contas".

Veja Também



Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895