Prefeitura do Rio de Janeiro libera 10% do público para a final da Copa América

Prefeitura do Rio de Janeiro libera 10% do público para a final da Copa América

Decisão entre Brasil e Argentina ocorrerá sábado no Maracanã

Correio do Povo

Grupo pretendia invadir Maracanã durante jogo entre Flamengo e Grêmio

publicidade

A prefeitura do Rio de Janeiro liberou em caráter excepcional a presença do público na final da Copa América entre a Seleção Brasileira e a Argentina. A resolução publicada no Diário Oficial do município determina que o máximo de presença de torcedores no Maracanã na decisão marcada para sábado será de 10% da capacidade de cada setor do estádio, que tem capacidade máxima de 78 mil espectadores.

Além disso, a regra determina que o público, sentado, terá que respeitar um espaço mínimo de dois metros de distância entre cada pessoa ou grupo familiar. A Conmebol será a responsável pelo teste de Covid-19 em todos os torcedores que estarão no estádio com antecedência dentro das 48 horas ao início da final. Os positivados serão impedidos de ingressar no Maracanã.

A partida que definirá o campeão da Copa América 2021 será disputada no sábado, às 21h. A prefeitura interditará o entorno do Maracanã a partir das 18h e, em comunicado no site oficial, pede para a população evitar aglomerações devido a pandemia da Covid-19.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895