Grêmio reencontra o Del Valle e faz primeira decisão do ano na Libertadores

Grêmio reencontra o Del Valle e faz primeira decisão do ano na Libertadores

Em busca da classificação, Tricolor entra em campo na noite desta quarta-feira, às 19h15min

Correio do Povo

publicidade

O cálculo parece simples. Basta vencer o Independiente del Valle por 1 a 0 para ingressar na fase de grupos da Libertadores da América. Mas a missão do Grêmio é extremamente complicada. O Tricolor volta a enfrentar os equatorianos na noite desta quarta-feira, a partir das 19h15min, na Arena. A derrota por 2 a 1 no jogo de ida, em Assunção, mostrou que o adversário é bastante qualificado. A primeira decisão do ano promete apresentar contornos de dramaticidade. 

Grêmio x Independiente del Valle: Acompanhe minuto a minuto

O fato de a Libertadores ter o saldo qualificado deixará o jogo em aberto mesmo que o Grêmio abra uma boa vantagem. A característica do confronto precisará mudar. Na ida, o Del Valle mandou na partida. Hoje, o Grêmio é quem terá de tomar a dianteira e agredir o adversário. “Eles tiveram mais posse de bola no primeiro jogo. Amanhã (hoje), a bola tem que ser nossa. Nós temos que ditar o ritmo da partida, oferecer perigo, dar as cartas”, comenta o volante Matheus Henrique. 

O Grêmio aposta no fator casa para mostrar um desempenho melhor na comparação com o duelo no Paraguai. E precisará jogar mais. Os percalços enfrentados nos dias que antecederam o jogo de ida ficaram para trás. “Algumas ocasiões como a questão da viagem, ficar sem treinar, foram praticamente quatro dias parados, isso tudo nos prejudicou. Mas não vamos levar isso como desculpa. Agora vai ser totalmente diferente, estamos treinados, dentro da nossa casa, do nosso campo, sabemos a força que nosso time tem em jogos como esse”, acrescenta Matheus Henrique. 

Veja Também

Apesar de terem sido amenizados, os problemas seguem atrapalhando. Renato Portaluppi, em recuperação da Covid-19, mais uma vez não estará na casamata. Dentro de campo, a lateral direita preocupa. Sem Vanderson, Victor Ferraz  e Diogo Barbosa, também acometidos pela Covid-19, Felipe ganhará sequência. Kannemann retorna ao sistema defensivo. E as principais dúvidas estão do meio para a frente. Maicon e Matheus Henrique jogam. Pinares, com problemas musculares, está fora. E aí crescem as chances de Jean Pyerre reaparecer na equipe. 

Pepê também está em condições de jogo, e sua utilização desde o início não está descartada. Criatividade e velocidade serão primordiais nesta noite. Alexandre Mendes, o auxiliar de Renato que comandará o time, ganhou opções para o jogo de hoje. “Eles (Jean Pyerre e Pepê) têm muita qualidade e já mostraram quando estão em campo o quanto podem ajudar a equipe”, elogia Matheus. 

Se vencer o Del Valle e se garantir na fase de grupos, o Grêmio ficará no Grupo A, ao lado de Palmeiras, Defensa y Justicia (ARG) e Universitario (PER). “Estamos cientes da importância do jogo e da responsabilidade, é um jogo eliminatório. Vamos entrar com foco e concentração total”, finaliza Matheus Henrique. Caso não passe pelo Del Valle, o Tricolor vai para a Copa Sul-Americana. 

O time equatoriano desembarcou ontem em Porto Alegre depois de um período de preparação em Assunção. O técnico português Renato Paiva deve repetir o mesmo time que venceu o Grêmio no Paraguai.

Terceira fase prévia da Libertadores - jogo de volta 

Grêmio 

Brenno; Felipe, Rodrigues, Kannemann e Cortez; Maicon, Matheus Henrique, Lucas Silva (Darlan), Ferreira e Pepê (Alisson); Diego Souza. Técnico: Alexandre Mendes

Independiente del Valle 

Moisés Ramírez; Segovia, Pacho, Schunke e Caicedo; Pellerano, Faravelli, Ortíz e Hurtado; Vite e Montenegro. Técnico: Renato Paiva

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Data e hora: 14/04, às 19h15min


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895